O valor das boas ideias

A linha Produtinhos da Beauty, da The Beauty Box, mostra que é possível desenvolver embalagens criativas sem gastar muito e utilizando potes e frascos standarts

A sabedoria popular afirma que a primeira impressão é a que fica, e esse axioma não vale somente para as relações entre pessoas, mas também para as dos consumidores com seus produtos. Os executivos dos mais variados setores do segmento de consumo sabem que, às vezes, uma boa embalagem vale mais do que um bom produto.

Porém, apesar de estes profissionais – principalmente os do setor cosmético e de higiene e beleza – reconhecerem a força de um bom design de embalagem, nem sempre é possível desembolsar cifras astronômicas para a compra de moldes de frascos exclusivos, para a utilização de materiais com tecnologia de ponta, ou por qualquer outra novidade dentro do universo da embalagem que o faça fugir dos itens básicos oferecidos pelo mercado e utilizados por todos.

Porém, nem tudo está perdido para quem, por algum motivo, não pode investir em embalagens exclusivas. O Grupo Boticário mostrou com o lançamento de Produtinhos da Beauty – a linha de cosméticos de sua própria rede de lojas, The Beauty Box, que conta com mais de 60 itens para corpo e cabelos – que é possível criar embalagens que encantem o consumidor, utilizando o bom e velho standart.

Análise selecta

Breno Salek, gerente de Marketing e Vendas na The Beauty Box conta que a criação de design e de formulação foi resultado de uma vasta exploração do mundo da beleza para reunir atributos funcionais, cheiros e sensações. Não só, para idealizar uma coleção completa que traduzisse a personalidade do mais novo segmento de negócio do Grupo Boticário, The Beauty Box selecionou produtos do universo de marcas globais e contou com a expertise da equipe de desenvolvimento de produtos do Grupo Boticário. 

Ele prossegue dizendo que a equipe ainda teve o desafio de desenvolver embalagens que enfeitiçassem quem passasse os olhos pelas prateleiras das lojas. Juntamente com a agência Index de design, a equipe de The Beauty Box conseguiu criar embalagens divertidas e cativantes, porém utilizando somente embalagens padrões oferecidas pelas empresas do mercado de embalagem. “Todas as embalagens utilizadas foram standard de mercado. Deste modo, o apelo visual foi caprichado na concepção do layout, que possui design contemporâneo e formas que estabelecem comunicação com a consumidora”, revela Breno.

Delicadas e divertidas

Para despertar a curiosidade e estabelecer o primeiro contato do produto com a consumidora, a marca se apoiou na utilização de ilustrações delicadas e divertidas, que dialogam com a própria ação do produto. “Cada produto atiça a curiosidade pela simpatia das ‘Misses’, ilustrações com traços leves e soltos que retratam as mulheres, em diversos momentos de cuidados com a beleza. Além disso, as mensagens que compõem cada desenho remetem às boas sensações que a marca quer que as consumidoras desfrutem ao usarem os produtos”, completa. 

Para fixar os desenhos nos frascos, Breno explica que foi fundamental a técnica de sleeve – uma tecnologia de rotulagem mais flexível, que possibilita inovar e ousar em decorações de embalagens – pois os desenhos ocupam grande parte dos frascos. A Baumgarten foi a empresa parceira da The Beauty Box na aplicação desta tecnologia, sendo que o braço varejista do Grupo Boticário também contou com o suporte da Glossplast e BomPack, no fornecimento de frascos; da Bypacking, no de potes; já as bisnagas foram fornecidas pela Global Pack; as válvulas pela Calmar e pela Aptar; as tampas pela Bral-Max; os cartuchos pela Kingraf e os rótulos pela Mack-color.

Parceiros estratégicos

Os nomes também foram estrategicamente selecionados para se relacionar com a ilustração que capta a atenção da consumidora. O “HUG ME – Pele macia de braços abertos”, por exemplo, foi escolhido para a loção hidratante, destacando que pele bem hidratada é mais gostosa de abraçar; “REHAB para Cabelos Deprimidos”, destinado a levantar qualquer bad hair day e “DETOX para Cabelos de Alma Lavada” para nomear o shampoo anti-resíduos. Além disso, o conceito olfativo dos itens estão envolvidos diretamente com as mensagens emocionais da marca. 

As cores selecionadas para compor as embalagens também auxiliaram a The Beauty Box a desenvolver uma embalagem simples, porém bonita e cativante. Para os itens capilares, a marca optou por frascos, potes e bisnagas brancas, que justamente criam um contraste com os traços escuros das ilustrações. Já para a linha corporal, a marca optou por cores em tons pastéis que estão em sintonia com a fragrância e o nome do produto, ou seja, Quintal de Mandarinas, vem em um frasco laranja; já o Bombom Baunilha em um bege, e assim por diante.

O exemplo de Produtinhos da Beauty é somente um dos vários que existem no mercado cosmético, que servem para lembrar aos executivos desavisados que a idealização de um novo produto ou linha tem de ser bem resolvida, ou seja, todos os seus componentes têm de estar em harmonia e dialogar entre si. Somente desta forma é possível que surjam grandes ideias, que não necessariamente demandem enormes investimentos, porém que agradem e chamem a atenção do consumidor.

Compartilhe

Comentários ()

© 2012 • Cosmética News. Todos os Direitos Reservados • Desenvolvido por Index Software

Voltar ao topo