Clássicos da perfumaria: Kriska

Se colocássemos em uma linha do tempo todas as transformações sociais, culturais e históricas pelas quais as mulheres passaram a partir da década de 1960, certamente nos surpreenderíamos. Juntamente à intensa contestação de costumes engendrada pela Contracultura, o feminismo se destacou por ousar expor assuntos proibidos às mulheres, como: participação política, sexualidade livre e nova configuração familiar. Todas as manifestações possuíam um único foco: a mulher como dona de si e de sua vida.

Claro que, como movimento de contestação humano, o feminismo resiste e, junto às muitas transformações sócio-culturais, possibilitaram às mulheres – ainda que em parte – a condição de serem senhoras de seu destino. E em 1995, a Natura mira seu olhar para essa nova mulher, jovem e independente, e cria uma fragrância específica para elas. “Kriska nasceu com uma essência jovem que se mantém até hoje. A fragrância valoriza o prazer da liberdade de escolha. É uma marca que mostra o lado bom de todas as conquistas femininas, que é a possibilidade de escolher ser o que realmente desejam”, conta Estevan Sartorelli, gerente de perfumaria da Natura.

Com uma combinação de notas frescas e frutadas e um complexo floral, sustentado por um fundo amadeirado, ambarado e baunilha, Kriska foi o primeiro perfume da companhia desenvolvido para o público feminino jovem. Por esse motivo, a linha marcou época e conquistou fidelidade junto ao público feminino, consolidando-se como a sexta maior marca de perfumaria feminina no Brasil no ranking de 2013 de valor da Kantar.

O caminho olfativo da fragrância criada por Thierry Bessard, perfumista francês da H&R – casa de fragrância criadora na época, predecessora da Symrise – é adocicado sensual e conquistou as jovens que passaram a ter um novo olhar sobre suas vidas especialmente no que diz respeito à opção de serem o que quiserem, já que não é (mais) preciso ser tudo.

A embalagem original representava essa jovialidade feminina da essência, com um frasco em formato oval que tem como principal ornamento a tampa cor-de-rosa, de linhas retas – bem em sintonia com o início dos anos 1990 – que se combinam para formar uma flor. Os traços retos que compunham o nome do perfume estampado no frasco encerravam o visual rebelde e moderno, mas ainda assim, feminino, do produto.

Maioridade e maturidade
Durante os 18 anos da linha (1995 a 2013), com o objetivo de acompanhar seu público-alvo que, não somente se identificou com a marca, como cresceu junto com ela, a Natura lançou novas fragrâncias e produtos dentro da linha. Como Kriska Jeans, Kriska Flores, Kriska Frésia e a mais recente Kriska Liberdade, de co-criação de Verônica Kato, perfumista exclusiva da companhia com a Givaudan. “Para atender ao nosso público lançamos novas fragrâncias e produtos. Após o lançamento da fragrância clássica Kriska complementamos o portfólio da marca, nos dois anos seguintes, com emulsão perfumada e desodorante spray. Em 2002, lançamos uma nova fragrância Kriska Jeans e adotamos a mesma estratégia de construção de portfólio utilizada na fragrância clássica. Em 2007, lançamos Kriska Flores e no ano seguinte Kriska Frésia”, explica o gerente de Marketing da perfumaria Natura, Eduardo Albuquerque. 

O último lançamento, Kriska Liberdade, acompanhou o redesenho das embalagens da linha em comemoração aos seus 18 anos, fazendo um convite à mulher ser verdadeira com ela mesma, ousando questionar estereótipos e padrões. “Nós relançamos Kriska em 2013 para adequar a marca à estratégia de Perfumaria Natura. Investimos em um novo design, embalagem e conceito e, com isso, abraçamos a oportunidade da feminilidade contemporânea. Esse relançamento foi estratégicos para Natura, pois trouxe mais sofisticação ao nosso portfólio e fortaleceu a nossa perfumaria no mercado brasileiro”, comenta Estevan Sartorelli.
 
Com a proposta inédita e atemporal de fazer parte da vida de mulheres cada vez mais independentes, Kriska é clássico e contemporâneo ao mesmo tempo e convida mulheres de todas as idades a encontrarem sua essência para além do frasco de seu perfume.

Compartilhe

Comentários ()

© 2012 • Cosmética News. Todos os Direitos Reservados • Desenvolvido por Index Software

Voltar ao topo