Colorida e irreverente

Colorida e irreverente
A marca brasileira Lola traz em seu portfólio produtos com nomes diferentes, arrojados e embalagens criativas e diferenciadas


A Lola foi criada em 2011 por três gaúchos (mas de coração carioca): Dione Vasconcellos, Jaqueline Vasconcellos e Milton Taguchi. Os sócios faziam parte do Grupo Farmativa, empresa que terceirizava cosméticos para marcas nacionais e internacionais, sempre focando no tratamento de alta qualidade e performance para cabelos e cuidados corporais. A partir dessa expertise com o mercado, surgiu a marca própria.

A Lola traz em seu portfólio diversos produtos para cuidados com cabelos, todos com nomes originais e embalagens arrojadas, que se diferem das demais. “Queríamos que nossos produtos fossem diferentes do que encontramos no mercado, que fossem divertidos e que representassem nossa frase ‘Escolha Lola, Escolha ser Feliz’. Então, nada mais acertado que embalagens que transmitam felicidade ao serem usadas”, explica Fernanda Pontes, responsável pelo processo de criação da marca. Segundo a executiva, um dos objetivos da empresa é fazer com que o cliente tenha a mesma paixão que seus donos por Lola. Inicialmente, a marca era dirigida para o público profissional, mas teve seu percurso alterado devido à demanda do consumidor final. Assim, seguiu para o canal do varejo, sem deixar a qualidade do tratamento profissional.

Todos os produtos da marca recebem nomes divertidos e inusitados, como seus tonalizantes: Ela é Carioca (tons castanhos), Garota Veneno (tons ruivos), Black Mamba (tons negros), Legalmente Loira (tons claros) e Moulin Rouge (tons avermelhados). Além desses itens, há também o creme de hidratação Morte Súbita, que traz em seu pote a frase: “Nossa tratamento Morte Súbita é assim: ou você ama ou você não conhece. Penetra nos fios sem pedir licença, acabando com os dias de cabelos secos e detonados sem ter dó nem piedade”.

Além da identidade visual super característica, a Lola se preocupa com as questões ambientais e oferece produtos de excelente qualidade, mas com ingredientes de fontes renováveis e de origem vegetal, tudo com base científica e muita inovação. “Somos uma empresa 100% Vegana, não fazemos testes em animais, não usamos ingredientes de origem animal, nem aqueles que consideramos acumulativos, como petrolatos, glúten, sulfatos, corantes sintéticos, ogms, silicones insolúveis, parabenos, óleos minerais e parafina”, comenta Fernanda. A marca também participa de projetos e instituições em prol do meio ambiente.

A Lola não se preocupa apenas com a aparência de suas embalagens, mas também com sua praticidade e funcionalidade. O produto é pensado como um todo. A executiva pontua: “Não basta criarmos um produto lindo sem que ele seja prático e de qualidade. Pensamos sempre em como a cliente vai usá-lo na sua rotina e a partir desse retrato desenvolvemos o melhor produto, prático, funcional, bonito e com qualidade superior”. Fernanda também explicou que a parceria (de longa data) com os fornecedores funciona de maneira excelente, e todos fazem parte de um mesmo time. “Claro que sempre que pensamos em lançar um produto mais diferenciado buscamos em primeiro lugar ver se o processo é 100% viável“.

A marca tende a crescer e expandir seus negócios, mas não pensa em mudar seu jeito de pensar e produzir os produtos. “Pensamos em cada novo produto lançado com muito carinho, e nada aqui é lançado sem que a paixão seja regra. O produto passa por um time de marketing e nosso termômetro é: ‘quanto mais gritos de amei, melhor’”, finaliza a executiva.

Compartilhe

Comentários ()

© 2012 • Cosmética News. Todos os Direitos Reservados • Desenvolvido por Index Software

Voltar ao topo