Symrise compra casa de fragrâncias brasileira Citratus

Symrise compra casa de fragrâncias brasileira Citratus
Mais informações em apuração 

- Empresa alemã vai reforçar sua posição no mercado de pequenas e médias empresas e a operação da Symrise Express
- Casa brasileira investiu R$ 20 milhões para inaugurar, no início de 2016, um novo centro criativo e uma nova fábrica em Vinhedo (SP)- 
 - Transação deve ser concluída em janeiro de 2018

A casa de fragrâncias e ingredientes cosméticos alemã Symrise, acaba de comunicar que selou um acordo para a aquisição de 100% das ações da casa de fragrâncias brasileira. Controlada pela família Rentel, a Citratus foi criada há 26 anos por Harry Rentel, um experiente executivo do mercado de fragrâncias, com passagens por empresas como Quest e IFF, especialmente na área de Compras. Desde então, a empresa construiu uma trajetória marcada pela solidez e pela boa administração, o que a levou a uma posição de destaque no mercado local. Com vendas estimadas em R$ 40 milhões, em 2016, a Citratus era uma das três maiores casa de fragrâncias brasileiras e, tinha planos de dobrar de tamanho até 2020. A companhia está finalizando a instalação de um robô de automação industrial para ampliar a capacidade de produção da empresa. O investimento, da ordem de R$ 3,5 milhões, se soma aos outros R$ 20 milhões investidos para construir o atual centro criativo e industrial da Citratus, que soma 8 mil m2 de área construída e foi inaugurado no início de 2016.

Para a Symrise, a aquisição reforça a posição da empresa no segmento de pequenas e médias empresas nos mercados de higiene pessoal e limpeza. A empresa, que histórica e globalmente sempre foi mais exposta às empresas locais do que suas principais concorrentes, já atende diretamente ao mercado de médias  e pequenas empresas por meio da Symrise Express, uma unidade dentro da divisão de fragrâncias de consumo da empresa. A aquisição da operação brasileira da casa de fragrâncias norte-americana Belmay, que mantinha uma boa posição no mercado de fragrâncias para médias empresas de cosméticos, no início de 2012, funcionou como uma espécie de embrião dessa operação.

A transação deve estar concluída em janeiro de 2018. Os valores envolvidos não foram divulgados.

Compartilhe

Comentários ()

© 2012 • Cosmética News. Todos os Direitos Reservados • Desenvolvido por Index Software

Voltar ao topo